Sexta, 10 Mai 2024 16:21

Nota de solidariedade à população do Rio Grande do Sul: Veja como ajudar

Neste momento de tristeza e desolação, expressamos a nossa mais profunda solidariedade aos municípios do Estado do Rio Grande do Sul, atingidos direta ou indiretamente pela devastação causada pelas intensas e persistentes chuvas que devastaram a região desde o fim de abril.

A dimensão dos danos causados ​​e as consequências ainda são incalculáveis. Pela necessidade de unir esforços para oferecer assistência e suporte necessários às pessoas atingidas, o SITRAMICO-RJ realizou uma doação que se une a iniciativas em diferentes movimentos sociais na busca  pela redução dos efeitos dessa tragédia.

Para isso, ao todo doamos 10 colchões (6 de solteiro e 4 de casal), 44 cobertores de casal, 15 lençóis de casal, 120 garrafas de Água 1.5 ml, 192 fraldas geriatra tamanho G e 192 fraldas geriatra tamanho M. De acordo com o site do Governo de Santa Catarina, os itens de maior necessidade são: água, alimentos não perecíveis, itens de higiene pessoal (escova e creme dental, fraldas, absorventes etc.), materiais de limpeza, roupas de cama e banho, e cobertores. Além destes, estão sendo aceitas doações de rações para cães e gatos e colchões.

De acordo com informações do site G1, no Rio, os principais pontos de doação são:

Câmara do Rio: Alimentos não perecíveis, água mineral e itens de higiene e limpeza são o foco da campanha Câmara Solidária, no Palácio Pedro Ernesto. Os donativos podem ser entregues de segunda a sexta-feira, entre 9h e 19h. O Palácio Pedro Ernesto fica na Praça Floriano s/n, na Cinelândia.

CRA-RJ: A sede do Conselho Regional de Administração do Rio de Janeiro, na Tijuca, na Zona Norte, é um ponto de arrecadação de doações. É possível doar água potável, roupas e cobertores, alimentos não perecíveis, material de higiene pessoal e de limpeza e rações para cachorros e gatos. As entregas podem ser feitas de segunda a sexta, das 9h às 18h. Os itens arrecadados serão levados diariamente à Base Aérea do Galeão.

A sede do CRA-RJ fica na Rua Professor Gabizo 197, Tijuca, próximo à estação Afonso Pena do metrô.

CUFA e MetrôRio :A Central Única das Favelas (CUFA) está concentrando esforços na arrecadação de alimentos, produtos de higiene, remédios e água. A instituição também está aceitando contribuições através de transferências bancárias, depósitos e doações on-line, permitindo que pessoas de todo o país se envolvam nessa iniciativa humanitária. A chave Pix é Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. Para quem deseja fazer a doação pessoalmente, a CUFA disponibiliza pontos de coleta em sua sede em Madureira e em suas filiais regionais.

A sede da Cufa no Rio fica na Rua Francisco Batista, Nº 1 (sob o Viaduto Negrão de Lima, Madureira).

Em parceria com o MetrôRio, a CUFA também recebe donativos em cinco estações do metrô: Saens Peña, Central, Carioca, Largo do Machado e Jardim Oceânico. As entregas podem ser feitas de segunda a sábado, das 5h à meia-noite; e aos domingos e feriados, das 7h às 23h.

Liesa e escolas de samba

A Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa) abriu a Cidade do Samba, local onde funcionam os barracões das agremiações, para receber donativos, que serão encaminhados aos desabrigados.

Poderão ser doados, entre 10h e 18h, itens como alimentos não perecíveis, materiais de higiene pessoal, ração para gatos e cachorros, brinquedos, roupas, cobertores e travesseiros.

Todo o material arrecadado será encaminhado para as autoridades e instituições que atuam diretamente na distribuição às vítimas.

O endereço é Rua Rivadávia Correa, 60, na Gamboa.

Além da Cidade do Samba, as quadras das escolas de samba do Grupo Especial também fazem a coleta de doações. A lista completa com os endereços pode ser conferida nas redes sociais do Rio Carnaval.

RIOgaleão

O RIOgaleão está recebendo itens de higiene pessoal, como pasta e escova de dente, fraldas, sabonete, papel higiênico e absorvente, 24 horas por dia, em dois pontos de coleta:

  • Entrada do prédio administrativo no RIOgaleão Cargo (TECA)
  • Ao lado do balcão de informações do Terminal 2

Uerj

A partir desta quarta (8), a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) será um dos pontos de coleta de doações de mantimentos para socorrer as vítimas do Rio Grande do Sul.

Os itens serão encaminhados para a base da Força Aérea Brasileira (FAB), no Galeão, e de lá serão transportados para a região atingida.

Água mineral, alimentos não perecíveis, ração para animais, produtos de higiene e de limpeza são os itens mais necessitados.

Quem quiser ajudar, pode levar a doação até o campus Maracanã da Uerj, de segunda a sexta, das 6h às 23h, e sábado, das 6h às 18h.

O endereço é Rua São Francisco Xavier, 524, e o espaço destinado para a coleta está instalado no hall dos elevadores do Pavilhão João Lyra Filho.

Sebrae Rio

O Sebrae Rio também recolhe doações de alimentos não perecíveis às vítimas das fortes chuvas que devastaram o Rio Grande do Sul. Os itens podem ser deixados, entre 9h e 18h, no escritório do Sebrae Rio. O endereço é Avenida Calógeras, 23, Centro.

Santuário Cristo Redentor

O Santuário Cristo Redentor, o Instituto Redemptor e a Paróquia São José da Lagoa se unem para arrecadar doações para as famílias atingidas pelas chuvas no Rio Grande do Sul. Todos os brasileiros podem colaborar com qualquer quantia através do site.

Os valores arrecadados serão destinados à Arquidiocese de Porto Alegre. Quem mora no Rio de Janeiro também pode entregar doações de alimentos, garrafas de água, roupas e itens de higiene pessoal e limpeza para a população atingida pelas chuvas na Paróquia São José da Lagoa (Avenida Borges de Medeiros, 2735, Lagoa).

Polícia Civil

O objetivo da corporação é arrecadar água, alimentos não-perecíveis, artigos de higiene pessoal e produtos de limpeza. O material arrecadado será entregue pela Polícia Civil à Força Aérea Brasileira, na base do Galeão, na Ilha do Governador. Confira os 11 pontos de coleta espalhados pelo estado do Rio de Janeiro:

Região Metropolitana:

  • 5ª DP (Mem de Sá): Avenida Gomes Freire, nº 320, Centro, Rio de Janeiro
  • 21ª DP (Bonsucesso): Avenida dos Democráticos, nº 1322, Bonsucesso, Rio de Janeiro
  • Cidade da Polícia (Cidpol): Avenida Dom Hélder Câmara, nº 2066, Jacarezinho
  • Academia Estadual de Polícia Sylvio Terra (Acadepol): Rua Frei Caneca, nº 163, Centro, Rio de Janeiro
  • Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Campo Grande: Estrada do Piai, nº 1129, Guaratiba, Rio de Janeiro
  • 76ª DP (Niterói): Avenida Ernani do Amaral Peixoto, s/n, Centro, Niterói

Baixada Fluminense

  • 52ª DP (Nova Iguaçu): Avenida Governador Amaral Peixoto, nº 950, Centro, Nova Iguaçu
  • 59ª DP (Duque de Caxias): Rua General Dionísio, nº 95, Jardim Vinte e Cinco de Agosto, Duque de Caxias

Interior

  • 93ª DP (Volta Redonda): Avenida Lucas Evangelista de Oliveira Franco, nº 667, Aterrado, Volta Redonda
  • 134ª DP (Campos dos Goytacazes): Rua Barão de Miracema, nº 231, Centro, Campos dos Goytacazes
  • 105ª DP (Petrópolis): Avenida Barão do Rio Branco, nº 3099, Retiro, Petrópolis

Polícia Rodoviária Federal

A PRF se juntou com outras instituições, que já atuam como pontos de arrecadação de materiais, para receber e encaminhar materiais que possam auxiliar as vítimas do Rio Grande do Sul.

  • UOP CAXIAS-RJ 1ª Delegacia: Rodovia, 15509, BR-040 - Jardim Primavera, Duque de Caxias
  • UOP JAPERI-RJ 1ª Delegacia: em São Pedro, Japeri
  • UOP São Gonçalo-RJ 2ª Delegacia: BR-101 - Km 308, BR-101 - Itaúna, São Gonçalo
  • UOP ITAGUAÍ-RJ 3ª Delegacia: Rodovia Rio Santos, 1232 - Vila Ibirapitanga, Itaguaí
  • UOP Rio de Janeiro (Pavuna) 6ª Delegacia: Rodovia Presidente Dutra, Km 163 - Parque do Juriti